Sobre o interesse do Spurs em Granger

Spurs Brasil

Cairia bem com a #33 do Spurs?

Como de costume, a trade deadline foi bem tímida para o San Antonio Spurs. De relevante, apenas a troca de Nando De Colo por Austin Daye. Apesar da timidez, jornalistas gringos afirmam que o Spurs tem bastante interesse em adquirir algum jogador que receba um buyout (grosso modo, que rescinda o contrato com sua equipe atual).

Dois nomes vinham sendo fortemente especulados. O primeiro era o do ala-pivô Glen Davis. O Big Baby, no entanto, já assinou com o Los Angeles Clippers e é carta fora do baralho. O segundo ainda é uma realidade, trata-se de Danny Granger. O ala construiu toda sua carreira em Indiana, mas perdeu espaço desde que se machucou e o status de estrela para o companheiro Paul George. Com a iminência da trade deadline, a front office do Indiana Pacers despachou seu ex-franchise player em troca de Evan Turner, do Philadelphia 76ers.

Philadelphia vive um momento de rebuild e ninguém por lá está interessado em vencer exatamente agora (tank alert!). Granger, por sua vez, acabou de sair de um dos favoritos ao título e quer tudo, menos jogar num time com mentalidade perdedora. Como uma coisa leva à outra, Danny deve ser liberado no começo desta semana e estará disponível no mercado em breve.

Além do San Antonio Spurs, outras franquias devem disputar os serviços do ala. Entre elas está o Miami Heat (impressionante como o Heat está envolvido em todos os rumores quentes da NBA). Eu, mero blogueiro, enxergo dois cenários. No primeiro o camisa 33 quer tempo de quadra e espaço para prosperar. No segundo ele deseja apenas o anel (sem se importar com o quanto vai jogar) e se vingar da equipe que lhe deu um pé na bunda.

O Spurs seria o destino do primeiro cenário. Nesta temporada, o alvinegro vem sofrendo para lidar com problemas físicos e é provável que o elenco chegue baqueado aos playoffs. Granger seria um reforço de peso. Além de ser bom arremessador e de saber criar o próprio chute, ele é um defensor razoavelmente bom. Se contratado, imagino que ele ganhe um papel parecido com o que Michael Finley exerceu em 2007 (o de veterano que vem do banco e desequilibra a partida). A diferença é que Finley tinha um senso de liderança maior e pelo menos para mim era mais talentoso.

Se for para o Heat, Granger terá que concorrer por minutos com LeBron James, o que nunca é um bom negócio. Por outro lado, é fato que o time da Flórida é o grande favorito ao título e ganhar o troféu da liga é o sonho de qualquer atleta profissional. Além de ter mais chances de levantar a taça, o ala poderia se vingar do Indiana Pacers numa hipotética final de conferência. Tentador, concordam? Como torcedor do Spurs, torço para que Danny Granger escolha o Texas como sua nova casa. Pensando racionalmente, contudo, vejo o Heat com um poder muito maior de persuadi-lo.

5 Respostas para “Sobre o interesse do Spurs em Granger

  1. Acho mais fácil ele escolher um time como o Spurs, pelo fato de que ele precisa de minutos de quadra para se destacar e conseguir um bom contrato para a próxima temporada!

  2. Pingback: Sem reforços | Destino Riverwalk·

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s