Melhor ala-pivô de todos os tempos

Tim Duncan e Dirk Nowitzki

Gênios

Sim, gostaria de ter seus quatro campeonatos. Ele era imparável; é provavelmente o melhor ala-pivô de todos os tempos. Definitivamente ele está no topo. Ele tinha tudo: o pick and pop com arremesso de média distância, a capacidade de finalizar com os dois braços. Ele é um monstro, foi o melhor que existiu (Dirk Nowitzki sobre Tim Duncan)

A frase recente de Dirk Nowitzki dá corda ao eterno debate sobre quem é o melhor ala-pivô de todos os tempos. Há quem diga que o melhor foi Karl Malone, outros citam Charles Barkley, Kevin Garnett. O próprio Dirk, no meu ponto de vista, pode ser colocado nesse bolo. A verdade é que todos eles foram gênios e marcaram época de alguma maneira. Eu, como torcedor do San Antonio Spurs, certamente incluo Timmy no topo da lista, mas entendo quem tiver preferência por qualquer um dos jogadores citados.

Duncan foi extremamente dominante em seu auge (é até hoje, na verdade) e já chegou a ser cogitado como o melhor atleta da história da NBA. Isso mesmo! Durante os playoffs do ano passado, uma matéria do Bleacher Report levantou essa possibilidade caso os texanos conquistassem seu quinto título sob a batuta do camisa 21. LeBron James, que é outro que é mencionado com frequência para a lista dos grandes de todos os tempos, também deu seu pitaco sobre o ala-pivô há poucos meses:

Ele provavelmente foi um dos melhores a disputar esse jogo. Se eu olhar apenas para os últimos 15 anos, vejo que ele foi o mais consistente e mais dominante. Ele venceu quatro títulos, foi All-Star múltiplas vezes, MVP, e daí por diante (LeBron James sobre Tim Duncan)

Embora o debate em torno desse assunto seja infindável, parece que se chegou a um consenso de que Duncan é realmente o melhor ala-pivô da história. Talvez ele ainda enfrente certa resistência por conta do seu estilo de jogo, considerado chato por muitos, e a implicância de outros, que argumentam que ele disputou a maior parte da carreira como pivô. A verdade, no entanto, é que o camisa 21 marcou época como poucos e exerceu uma dominância fora do comum sobre seus adversários. Veja abaixo alguns dos feitos de Timmy ao longo de 16 anos na NBA e depois um depoimento de Gregg Popovich sobre aquele que é seu principal pupilo.

  • 4 títulos (1999, 2003, 2005, 2007)
  • 14 All-Star Games disputados;
  • Novato do ano em 1997-98;
  • Novato do mês em seis oportunidades;
  • 2 vezes MVP da temporada regular (01-02, 02-03);
  • 3 vezes Finals MVP (98-99, 02-03, 04-05);
  • 21 vezes jogador da semana;
  • 3 vezes jogador do mês;
  • 9 vezes eleito para o time ideal da liga;
  • 3 vezes eleito para o segundo time ideal da liga;
  • 2 vezes eleito para o terceiro time ideal da liga;
  • 8 vezes eleito para o time ideal de defesa;
  • 6 vezes eleito para o segundo time ideal de defesa;

9 Respostas para “Melhor ala-pivô de todos os tempos

  1. Eu sou suspeito pra falar, porque considero Tim Duncan o melhor jogador de basquete de todos os tempos. Naturalmente é minha opinião – e de muita gente que entende do jogo milhões de vezes mais que eu, diga-se de passagem – e está aberta a debate.

    Normalmente as pessoas se pautam em números pra falar de um atleta em comparação a outros, e fazem bem porque é um ótimo artifício de comparação. Mas os números podem ser manipulados, e tem enorme influência das épocas. Um exemplo bobo que gosto de usar é a pontuação all time de Jerry West. O Logo figura na lista dos maiores pontuadores da NBA em 17º com 25.192. A grande questão é que ele jogou a maior parte de sua carreira antes da criação da linha de 3 pontos, e ele era um exímio arremessador de longe. Com certeza seria possível acrescentar uns 3 mil pontos aí na sua marca se tivesse jogado a carreira toda com linha de 3. Há muitos outros exemplos de como os números analisados cruamente podem distorcer uma carreira, pra mais ou pra menos. E embora os números de Tim Duncan já o apontem como um excepcional jogador, creio que não façam jus a este fenômeno.

    Para mim, o efeito que um jogador tem sobre seus companheiros – e sobre o adversário – quando está em quadra é algo a ser levado em forte consideração. Pra não aprofundar muito no assunto, apenas examinando o time atual, o que seria de Danny Green se não jogasse em um time como o Spurs? Especificamente, se não jogasse em um time montado sob medida em volta do seu franchise player? O que seria de Boris Diaw? De Patty Mills? De Tiago Splitter? Esses sãos role-players adorados e imensamente elogiados ao redor da NBA, mas uma enorme procentagem do jogo deles pode ser colocado na conta de Tim Duncan.

    Sou fã radical de Manu Ginobili e de Tony Parker, mas não me iludo: se Tim Duncan não existisse, ou se jamais tivessem jogado uma carreira inteira com ele, ambos não passariam de bons jogadores, principalmente Parker. TP9 mais do que ninguém tem sua qualidades aumentadas ao máximo e seu jogo facilitado por jogar com Duncan.

    Dirk Nowitzki só deu voz ativa a uma crescente multidão de gente dentro dos círculos do basquete que sabem que Duncan é o maior de todos os tempos na posição. Mesmo Kevin Garnett, seu ardoroso rival, já reconheceu que ninguém joga de PF como Tim Duncan.

    Tenho milhões de motivos pra elogiar o Timmy, mas vou parar por aqui porque começa a ficar difícil frear o ufanismo.

  2. Eu sou torcedor do Dallas, já sofri muito por causo do Duncan, mas nessa questão de números, não dá pra medir o impacto que ele e mesmo o Dirk fazem. Um exemplo é quando eles sofrem a dobra no post e jogam a bola pro peimetro, normalmente sai ponto de uma jogada dessa, mas não entra na estatistica deles.

    • Exato. Grandes jogadores de garrafão como Duncan e Dirk tem essa característica e não entra em estatística. Assim como não entra aquele penúltimo passe dado quando eles recebem a dobra e desmontam a defesa com um passe genial, que vira uma infiltração ou um outro passe fácil. Não entra em estatística alguma quando na realidade foram os verdadeiros responsáveis pelo sucesso do ataque nessa posse.

      • Um exemplo é o Ellis nessa temporada, um dos motivos dele estar voando é isso aí, a defesa abre um pouco e facilita na infiltração. Jogador com um bom jogo de post e com bom passe faz um estrago sempre.

  3. Danilo, aguarde o MIMIMI que estou sofrendo dos “ah, mas o TD é C” hahaha Concordo com você em tudo. Eu tenho 35 anos, e, desde o final dos anos 80 até hj, tempo q acompanho a NBA de perto, jamais houve jogador mais técnico que ele. Sério, não vi, contanto TODAS as posições. Não há um só buraco na técnica dele que alguém possa dizer que seja um ponto fraco. Não vale contar agora que a idade chegou e nem os lances livres, que na hora do vamos ver, sempre caíam.

    TD em primeiro, Charles Oakley em segundo e só aí vem o resto rs

    • Charles Oakley em segundo é foda hahaha

      Sim, sempre tem uns malas falando que ele é C. Tudo bem, Timmy jogou bastante tempo como C, mas também foi PF por bastante tempo. Falar que ele jogou a carreira toda como C é no mínimo ignorância.

      • Exato senhores. Duncan jogou várias temporadas de C mas por falta de um “cincão” no elenco do Spurs. Ele era o PF das torres gêmeas e foi duas vezes MVP assim. Sempre que teve um Center decente no time, como o Almirante, Oberto e agora Splitter, o Timmy jogava na posição de origem. A diferença é que ele é um PF com características de C sim, coisa cada vez mais rara na NBA. Hoje a maioria dos melhores PFs da Liga tem mais características de ala do que de pivô, vide Chris Bosh, LaMarcus Aldridge, Anthony Davis, Kevin Love, Dirk Nowitzki e outros jogadores de ponta da posição. Como Duncan foge dessas características as pessoas chegam ao extremo de considerá-lo C, o que é besteira.

  4. Pingback: Exemplo de profissionalismo | Destino Riverwalk·

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s