História de fracasso pode ajudar o Spurs no Jogo 7

A EuroBasket de 2005 ainda está na mente do francês Tony Parker

A EuroBasket de 2005 continua na mente do francês Tony Parker

A derrota por 103 a 100 para o Miami Heat no Jogo 6 da final da NBA doeu em nós, torcedores, e também nos atletas. Após o revés, Manu Ginobili se disse devastado na rápida coletiva de imprensa concedida ainda na America Airlines Arena. O argentino foi mal dentro de quadra, cometeu oito turnovers e certamente tem muito a melhorar para o confronto decisivo da série. Falando nisso, o que será que o San Antonio Spurs está fazendo para se recuperar desse baque imenso?

Ontem à noite, o elenco fez algo incomum na liga norte-americana: saiu para jantar e compartilhar histórias. Ao contrário da Europa, onde isso é bem normal, nos Estados Unidos há um clima mais reservado entre a maioria dos profissionais. O Spurs, por ser um time repleto de estrangeiros, talvez fuja à regra nesse quesito.

Durante o encontro, o armador Tony Parker trouxe à tona uma lembrança frustrante de sua carreira, mas propícia para o momento. Ele recordou de 2005, quando sua França foi derrotada pela Grécia por 67 a 66 na semifinal do Campeonato Europeu. Na oportunidade, os azuis venciam o duelo por oito pontos com 45 segundos por jogar. Inexplicavelmente, Parker e companhia tiveram um branco, levaram uma corrida de 12 a 4 e foram eliminados.

Em um mata-mata, qualquer vacilo pode ser mortal – e os franceses provaram isso. O que o camisa 9 tentou trazer para seus companheiros ontem é que a equipe terá nesta quinta-feira (20) uma chance que aquela França de 2005 nunca teve. Quando escrevi a análise do Jogo 6, confesso que ainda temia pelo lado psicológico do grupo, mas parece que estava enganado.

Há oito anos, os azuis se recompuseram do duro golpe na semifinal e atropelaram a Espanha na disputa do bronze. Esperamos que o mesmo possa acontecer com o San Antonio Spurs. A partir de agora, só o tempo dirá. Compilei abaixo algumas frases ditas pelos jogadores na coletiva pós-treino desta quarta (19):

Sabemos a oportunidade que deixamos escapar. Sabemos o que temos que fazer. Quando a bola subir, estaremos prontos. (Tim Duncan)

Todos querem estar prontos, caso contrário, vamos nos arrepender pelos próximos 10, 15 anos. (Tony Parker)

Tivemos um ano incrível e agora temos a chance de vencer o campeonato. Isso é tudo o que importa. (Gregg Popovich)

Colaborou: Sheridan Hoops

4 Respostas para “História de fracasso pode ajudar o Spurs no Jogo 7

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s