O verdadeiro Gregg Popovich

Merecido! (Foto: Spurs Nation)

Gregg Popovich pode ser considerado um gênio dentro das quatro linhas. Nesta terça-feira (1), o treinador foi eleito o Coach of the Yearprêmio dado ao melhor técnico da temporada  regular da NBA. Foi a segunda vez na carreira que o treinador do San Antonio Spurs conquistou o cobiçado troféu.

Popovich é a antítese em pessoa. Ao mesmo tempo em que prefere voar abaixo do radar, sempre humilde e dividindo suas conquistas com quem o cerca, ele também é um cara de números expressivos, como esses que você acompanha abaixo:

  • 16 temporadas como técnico do Spurs. É o comandante com mais tempo à frente de uma franquia entre todas as grandes ligas norte-americanas (NBA, NFL, NHL e MLB).
  • Pop é o único treinador em atividade a ter conquistado mais de um título. Ele também é um dos cinco técnicos da história a ter conseguido quatro ou mais anéis, ao lado de figuras lendárias, como Red AuerbachPhil JacksonPat Riley e John Kundla.
  • Iniciou a temporada 2011/2012 com um recorde de 797 vitórias e 383 derrotas. O aproveitamento de 67,5% o coloca como o terceiro treinador da história com melhor porcentagem de vitórias, atrás apenas de Billy Cunningham e Phil Jackson.
  • Conquistou seu 700º triunfo em sua partida de número 1040, se tornando o terceiro técnico mais rápido da história a alcançar a façanha.

Popovich foi condecorado com o troféu Red Auerbach pela segunda vez na carreira (Foto: Spurs Nation)

Esses foram alguns dados que eu encontrei no site oficial do Spurs e que achei interessante compartilhá-los. Mas esse artigo é para falar de outro Gregg Popovich. Por trás do gênio do banco de reservas, da cara de bravo e de algumas artimanhas discutíveis, como fazer faltas no jogador de pior aproveitamento em lances-livres adversário para ganhar vantagem, o Coach Pop é um grande homem.

Primeiro falemos de seu papel como líder. Já fui em muitas conferências de recursos humanos a trabalho e tive a oportunidade de ouvir profissionais gabaritados do setor falando sobre a importância e a dificuldade de ser um gestor. Gerir pessoas é uma tarefa complexa. Você lida com egos, vontades, anseios, dúvidas… É difícil controlar seres humanos, mas Popovich faz isso como poucos na NBA – e na vida.

Que chefe chamaria você em sua própria casa para um jantar? Que chefe viajaria até a terra natal de sua principal estrela durante as férias apenas para passar um tempo ao lado dele? Essa é a filosofia que existe em San Antonio: o culto à família, ao relacionamento humano, à amizade. É muito comum ver jogadores que vestiram a camisa do Spurs dizerem que nunca trabalharam num ambiente assim anteriormente. Posso citar aqui alguns exemplos, como Robert HorryBruce Bowen e até mesmo Stephen Jackson. Como pode um bad boy como o Captain Jack se sentir acolhido em um lugar que é completamente avesso à sua personalidade? Bem, esse é o papel do líder, do gestor…

Além disso tudo que já falamos, existe outra faceta do nosso treinador que poucos conhecem. Sabiam que ele fez treinos de espionagem na extinta URSS durante a Guerra Fria? Pois é! Popovich se especializou em Estudos Soviéticos na Força Aérea dos Estados Unidos durante a década de 1970 e passou alguns anos trabalhando na atual Rússia.

“Ele vive para ser quem é”, disse R.C. Buford ao National Post durante a final de 2007 entre San Antonio Spurs e Cleveland Cavaliers. “Pop sempre foi assim. Dê uma olhada em sua história: Força Aérea, escola de espionagem… Ele é um cara diferenciado e gosta de ser desta maneira”, completou.

Toda a equipe técnica do Spurs participou da coletiva pós-prêmio

P.J. Carlesimo, que trabalhou durante alguns anos como assistente técnico de Popovich, lembrou, também em 2007, de outra característica marcante do ex-companheiro: sua repulsa aos números e à popularidade. “Ele nunca vai ser aquela pessoa que gosta de aparecer no NBA Cares”, disse Carlesimo, em referência ao programa de caridade organizado por David Stern. “Ele liga para as pessoas, claro, mas ficará mais feliz se ninguém souber disso. Me dê uma chance e eu diria que Gregg prefere fazer as coisas sem o burburinho da mídia”, opinou.

Para P.J., o basquete é só um complemento na vida do misterioso Coach Pop. “Acho que o basquete é uma pequena parte de sua vida. Creio que ele ama o que faz e é excepcionalmente bom nisso, mas ele também tem outros interesses”, pontuou. Um desses interesses é colecionar vinhos. Estima-se que Popovich tenha mais de três mil garrafas em sua adega. Dá pra acreditar?

“Honestamente, acho que ele gosta de ser desse jeito”, explica Tim Duncan, que convive bem de perto com o comandante. “Acredito que ele é bom como outros caras que fizeram história, mas isso pouco importa no seu modo de enxergar as coisas. Gregg é um cara que gosta de desafios, de montar sua equipe e fazê-la jogar. Qualquer reconhecimento que venha a partir disso será merecido”, pontuou Timmy.

Gregg Popovich é assim. Uma pessoa simples, humilde e, acima de tudo, humana. Por mais que ele tenha sua antipatia a prêmios e farras, deixo aqui os meus parabéns pela conquista do título de melhor técnico da temporada 2011/2012. Parabéns, Coach Pop!

Eis o verdadeiro gestor...

Eis o verdadeiro gestor…

6 Respostas para “O verdadeiro Gregg Popovich

  1. Eu não sei como caí nesse post. Isso me faz lembrar o verdadeiro significado da palavra link.
    Bruno, se um dia alguém me perguntar qual o melhor post do Destino Riverwalk, vou mandar um link pra este post.

  2. Pingback: De volta ao Dream Team? | Destino Riverwalk·

  3. Pingback: Clube dos 900 | Destino Riverwalk·

  4. Pingback: Fim da linha com dignidade | Destino Riverwalk·

  5. Pingback: Vídeo: um pouco mais sobre Gregg Popovich | Destino Riverwalk·

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s